Descrição do Projeto

Nosso maior Objeto é produzir uma assessoria de alto nível e especializada para garantir que sua Sociedade de Advogados possa ter tranquilidade. Enquanto cuida dos seus processos, nós cuidamos da sua Contabilidade.

Planejamento Tributário

Redução Legal de Impostos

Entrega das Obrigações Fiscais

Folha de Pagamento e Obrigações Trabalhistas

Transformação de Pessoa Física em Jurídica

Parcelamentos e Recuperação de Impostos

Realização de todos os Serviços na OAB

Elaboração de todas demostrações Contábeis


Dicas para Sociedade de Advogados Unipessoal e Sociedade Simples Pura

3 Passos para organizar a Contabilidade do seu Escritório de Advocacia

Existe um processo de mudança do Advogado para entender que como empresa, ele precisa pensar como empreendedor e separar as contas do Advogado Pessoa Física para o Advogado Pessoa Jurídica e organizar a  sua contabilidade para Advogados.  Como a maioria trabalha sem grande estrutura de profissionais auxiliares, é natural pensar que estamos falando da mesma coisa e continuam pagando contas da pessoa física na pessoa jurídica e precisamos separar esses pagamentos, para poder medir seu resultado profissional. Vamos aos passos para organizar sua contabilidade.

1º PASSO - Fazer a Abertura como Pessoa Jurídica

O registro começa na OAB do seu Estado para registro do contrato. Em seguida,  registrar na Receita Federal e Prefeitura da sua cidade. Não pode esquece de seguir o processo de licença de funcionamento. Esse procedimento, pode variar por cada município.

2º PASSO - Separar Pessoa Física da Jurídica

Após a abertura da empresa, precisa abrir uma conta bancária em nome da pessoa jurídica para receber os honorários e também pagar as contas do escritório.

3º PASSO - Colocar os Processos em nome do Escritório de Advocacia PJ

Transferir os novos processos para recebimento na Pessoa Jurídica para evitar pagamentos de  impostos na Pessoa Física.

O Advogado por optar pelo Simples Nacional?

O Advogado ou a sociedade simples pura e a Sociedade Unipessoal podem optar pelo simples nacional. Precisa avaliar a questão do faturamento para a sociedades simples pura. Mesmo pagando um ISS fixo , vale a pena fazer o cálculo no simples nacional. 


Cliente